Rise of the Naruto - O Melhor Fórum RPG Narrativo

Forum de Naruto RPG Online

Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Ficha Tio Orochi (Clã Hyuuga)
Ter Abr 25, 2017 6:21 pm por Tio Orochi

» Modelo de Ficha de Inscrição
Ter Out 18, 2016 2:00 pm por Judá Machado

» 01 - Como Gerar uma Ficha Ninja
Seg Out 17, 2016 8:59 pm por Judá Machado

» 01 - Personagem
Seg Out 17, 2016 6:47 pm por Admin

» Pedidos de Narração
Seg Out 17, 2016 2:51 pm por Admin

» Regras da Vila
Seg Out 17, 2016 2:48 pm por Admin

» Regras Gerais
Seg Out 17, 2016 2:36 pm por Admin

» Regras de Marionetes
Seg Out 17, 2016 2:33 pm por Admin

» Regras Gerais
Seg Out 17, 2016 2:27 pm por Admin

Os membros mais ativos da semana


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Mecânica dos Jutsus

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Mecânica dos Jutsus em Seg Out 17, 2016 1:34 am

Admin

avatar
Administrador
Administrador

Os Jutsus são as técnicas que os shinobis utilizam no mundo de Naruto. São os poderes dos shinobis. Estes poderes podem ser de diversos tipos e possuem diversos efeitos, sejam ofensivos, defensivos ou de suporte. Para usar um Jutsu o shinobi precisa primeiro conhecer aquele que deseja fazer. Assim, todos os shinobis precisam aprender o Jutsu antes de poder utilizá-lo. Aprender um Jutsu pode levar tempo, variando devido a sua complexidade. Não é qualquer shinobi que irá sair por aí fazendo qualquer Jutsu a sua vontade. Como existem muitos Jutsus, alguns mais complexos e outros mais simples, determinou-se uma forma para diferenciá-los e classificá-los quanto ao seu nível de poder. 

Esta forma são os Ranks. Os Ranks variam dos mais fracos (Rank E) aos mais poderosos (Rank A e S), representando o grau de complexidade do Jutsu e seu nível de poder. Além disso, os Ranks diferenciam bem o nível de certos shinobis. Genins ainda são muito inexperientes e jovens para saber manipular um Jutsu de Rank A, por exemplo, o que já é perfeitamente possível para um Jounin bem treinado.

Tipos de Jutsus

Existem diversos tipos de Jutsus, onde cada um delimita uma área de conhecimento e atuação do shinobi. Os Jutsus se dividem nas categorias descritas a seguir. 

Taijutsus (TAI): são técnicas de combate corpo a corpo, utilizando-se de armas ou não. Tais técnicas são essenciais para qualquer shinobi e perigosas para os oponentes, pois os usuários que focam em Taijutsu geralmente possuem uma capacidade física superior ao dos utilizadores de Ninjutsu ou Genjutsus. Alguns exemplos de Taijutsus são o Dynamic Entry e Shishi Rendan. 
Genjutsus (GEN): o shinobi controla o sistema de Chakra do oponente, colocando-o de um jeito irregular, afetando um ou todos cinco sentidos da vítima. Com isso, ele consegue fazer com que a pessoa sinta algo que não exista, de dor até visões, ou cheiros que não existem. É uma técnica avançada e que necessita de muita inteligência e Controle de Chakra preciso. Um hábil usuário de Genjutsus pode vencer um combate sem nem mesmo suar, criando ilusões que prendem o adversário num transe profundo e se aproveitando da situação para matá-lo. Um exemplo é o Tsukyomi. 
Ninjutsus (NIN): é qualquer técnica shinobi que não é uma ilusão ou escrita, e que utilize pelo menos um dos 12 selos de mão para ser feito. Shinobis especializados em Ninjutsus podem facilmente fazer grandes feitos impossíveis para outros tipos de shinobi, como conjurar animais, destruir florestas, ou mesmo criar copias de si mesmo. Também estão dentro dos Ninjutsus todas as técnicas que controlam os elementos efetivamente. Alguns exemplos são o Chidori, Rasengan e Goukakyu no Jutsu. 

Os três tipos apresentados acima são os tradicionais do mundo shinobi. Entretanto, existem ainda outras classificações que precisam ser citadas para fins de entendimento e esclarecimento. 



Kekkei Genkai: são as Linhagens Sanguíneas Avançadas, ou seja, um conjunto de técnicas passadas de pai para filho pelo sangue. Tais técnicas são exclusivas de cada Clã shinobi e não podem ser copiadas de maneira alguma (mesmo com o Sharingan). Estes Jutsus estão dentro de um dos três tipos principais (TAI, GEN ou NIN). Um exemplo é o Kage Mane no Jutsu. 

Fuuinjutsus: são Ninjutsus complexos que necessitam de selamentos, preparações, ingredientes, dentre outras coisas. Alguns dos Fuuinjutsus mais simples são as tarjas explosivas que qualquer shinobi pode usar sem problema. Fuuinjutsus, diferentemente dos outros Jutsus, não são criados para serem feitos e utilizados instantaneamente. Tais Jutsus necessitam geralmente de tempo para se desenhar os intricados selamentos ou fazer os preparativos necessários, mas seus efeitos podem ser devastadores. Especialistas em Fuuinjutsus podem criar barreiras, alterar efeitos de outros Jutsus e até mesmo selar poderosas técnicas ou mesmo Bijuus. Um exemplo seria o Juin Jutsu. 

Kinjutsu: existem Jutsus que são excessivamente poderosos, mas terríveis e perigosos para o próprio usuário. Geralmente estes Jutsus são de Ranks elevados, devido seu nível de poder, ou outros podem até ser mais fracos, mas são tratados como tenebrosos devido as suas conseqüências. Estes são os Kinjutsus, Jutsus proibidos devido seus efeitos terríveis e devastadores. Alguns Kinjutsus são tratados com tamanho desprezo que seu usuário pode ganhar a Desvantagem Má Fama só por tê-lo usado alguma vez. Um exemplo seria o Edo Tensei.



A Roda Dos Elementos

Alguns Ninjutsus são dominados por elementos. No mundo de Naruto existem cinco tipos de elementos principais, que são: Fogo (Katon), Água (Suiton), Terra (Doton), Vento (Fuuton) e Trovão (Raiton). Cada shinobi nasce com uma predisposição para algum elemento, que ele aprende e usa com mais facilidade do que os outros. Essa predisposição não impede que o shinobi aprenda mais de um elemento. Com o seu desenvolver, esse shinobi pode aprender outros elementos, usando-os com certa facilidade. Mesmo assim, o shinobi não pode usar vários elementos ao mesmo tempo, sendo possível apenas usar um de cada vez. 

Desta forma, cada pessoa tem uma predisposição para certo elemento. Entretanto, alguns clãs de shinobis possuem a capacidade de usar dois elementos com a mesma facilidade e fundi-los num mais poderoso e único. Esse novo elemento é tratado como uma Kekkei Genkai. Existem várias possíveis fusões entre dois elementos, sendo as mais famosas: Madeira (Mokuton); e Gelo (Hyouton). Veja as regras específicas sobre os elementos fusionados na parte dedicada aos Clãs e Linhagens.

Os elementos fazem parte de uma roda contínua que tende a se equilibrar mutuamente. Isso quer dizer que um tipo de elemento é mais forte e mais fraco que outros distintos. Tendo esse pensamento em mente, quando dois Jutsus diferentes carregados com algum tipo de elemento estão para se chocar ou se confrontar, o elemento por natureza mais forte ganha, em conseqüência o mais fraco perde. 

Se pensarmos dessa maneira, Fogo é mais forte que Vento, em compensação é mais fraco que Água. Então, quando um Jutsu de Fogo confrontar um de Vento, ele tenderá a vencer. Se for o oposto, o Jutsu de Água é que tenderá a vencer contra um Jutsu de Fogo. Assim, os elementos tendem a se equilibrar sempre. Em termos de regra, o Jutsu de elemento mais forte receberá um adicional de +2 na sua FA contra o Jutsu de elemento mais fraco.

Ciclo Elemental:

KATON-->FUUTON-->RAITON-->DOTON-->SUITON-->KATON

OBS.: Os elementos Mokuton (Suiton+Doton) e Hyouton (Suiton+Fuuton) não tem vantagens nem desvantagens sobre os outros elementos.

Aprendendo e Usando Jutsus

Como usar um Jutsus: Usar um Jutsu é uma ação automática (não requer teste algum). Entretanto, muitos Jutsus precisam ser “acertados”. Nestes casos, deve-se fazer o teste de FA mais adequado para a situação (usando Força para ataques Corpo a Corpo e PdF para ataques a distância). Por vezes o próprio Jutsu poderá ter uma regra específica que mude o cálculo de seu valor de ataque ou defesa. 

Cada Jutsu em particular possui um custo para ser feito, custo esse refletido em PC ou PV. Taijutsus em geral podem gastar PV ou PC para serem usados, mas os outros tipos de Jutsus só podem ser feitos com o gasto de PC. Antecedendo cada lista de Jutsus há uma explicação detalha sobre a forma de usar aquele tipo específico de Jutsu. Desta forma, vide os Jutsus nas suas devidas listas para maiores detalhes.

Aprendendo um novo Jutsu: Depois de iniciado o RPG o personagem poderá muito bem desejar aprender novos Jutsus. Para se aprender um novo Jutsu é preciso treinar, realizando uma narrativa solo bastante detalhada e bem feita sobre seu treinamento, além de gastar 1 PE(Ponto de Experiencia) por RANK do novo Jutsu aprendido (Rank E = 1PE; Rank D = 1PE; Rank C= 2PE; Rank B=3PE; Rank A=4PE; Rank S=5PE). 
O treinamento é realizado na área de treinamento. Lá o usuário deve ser bastante cuidadoso ao postar, pois o narrador poderá considerar o treino perdido e o usuário não aprenderá o jutsu. Por isso, caprixe bastante ao aprender um Jutsu. Quanto mais poderoso é o Jutsu, mais será exigido de sua interpretação e caprixo na hora do post.

Também é importante frisar que muitos dos jutsus são necessários pergaminhos ou mestres especiais para adquirí-lo. Nesse caso, além do treinamento para conseguir o Jutsu, o usuário deverá solicitar o pergaminho do Jutsu ou partir em Side Quest para conseguir o pergaminho ou um mestre apropriado.

No geral, Jutsus de até Rank E e D Não são necessários Side Quest de pergaminhos. Jutsus destes Ranks são liberados aos Gennins da vila. Chuunins tem acesso aos Jutsus de Rank C, assim como Jounnins tem acesso aos Jutsus de Rank B; Rank A e S sempre requerem de Side Quest de pergaminho.

Jutsus de Clãs e Hijutsus também não precisam de Side Quest de Pergaminhos, considerando que o Shinobi já possui um meio de adquirir o aprendizado. Entretanto, Hyuugas da familia secundária (Bunke) precisam de uma Side Quest para liberar o aprendizado dos Jutsus do Clã (pois normalmente os jutsus principais não são passados para a família secundária).

Regras mais específicas são encontradas na área de treinamento.

LINK PARA ÁREA DE TREINAMENTO

EXIGENCIAS E CUSTOS

Os Jutsus possuem custos diversos em PC e existem vários fatores que podem influenciar esta quantidade. Estes fatores serão apresentados ao longo do texto. Por hora, você precisa saber que cada Rank possui um valor fixo de custo em PC, ou seja, um valor padrão, mas que pode mudar conforme será lido ao longo do texto. Os valores para cada Rank são os seguintes: E= 1 D = 2; C = 4; B = 6; A = 4; S = 10.

Em geral os Jutsus terão um único tipo de exigência: um valor mínimo de H. A Habilidade do personagem mede muitas coisas, e em Naruto ela mede a sua capacidade de controlar o Chakra, o que é essência para fazer Jutsus. 

Alguns Jutsus podem está associados a alguma Perícia (como os Ninjutsus médicos), e cobrarão que o personagem possua a mesma para poder aprendê-lo. Outros Jutsus poderão ser versões mais poderosas de alguns mais simples, cobrando sempre como pré-requisito que o personagem primeiro possua a sua versão inferior. De forma similar, alguns Jutsus podem só ser efetivos quando outros estiverem ativos anteriormente, sendo estes então cobrados também como pré-requisitos. 

Logicamente só é possível ter um Jutsu elemental se antes o personagem tenha dominado completamente o elemento do Jutsu em questão, inclusive se for Hijutsus (ver detalhes na lista pertinente). 
Perceba nas listas que muitos Jutsus possuem um valor de turnos de atividade variando com a quantidade de H que o personagem possui. Isso é o que normalmente se deve fazer, mas a duração poderá variar devido a outros fatores ou mesmo possuir valores fixos. Outra coisa que muda muito é o fator de tempo da duração. Em muitos Jutsus ele estará apontando uma quantidade de turno, mas por vezes poderá haver a substituição do termo “turno” por “minutos”, “horas” ou mesmo “dias”! Em ambos os casos a determinação destas condições é muito subjetiva e não há como criar uma regra 100% correta.

COMPREENDENDO A EXIGÊNCIA EM H(HABILIDADE)

Excluindo-se os Taijutsus, todos os outros Jutsus sempre cobrarão como exigência um valor mínimo de H. Isso se dá devido o fato de GEN e NIN sempre precisarem usar da capacidade do personagem para controlar o Chakra, aqui representado pelo valor de H do personagem. O valor mínimo de H varia muito de um Jutsu para o outro, o que pode parecer algo bem subjetivo. Entretanto, há um raciocínio por trás da determinação deste valor mínimo. 

Como o H mede a capacidade do personagem em manipular o Chakra com perfeição, imagine que o valor a ser cobrado refletirá o quão complicado é aquele Jutsu para ser moldado. Todo Jutsu possui uma forma, e quanto mais complexa for esta forma, mais difícil será para o personagem dominá-la. É a idéia de densidade de poder. Quanto mais Chakra compactado numa forma diminuta, maior será a energia que será liberada dali, ao mesmo tempo em que o personagem precisará de ainda mais controle do seu próprio Chakra para executar o Jutsu com perfeição. Seguindo essa linha de raciocínio, pode-se perceber que é comum que um Jutsu elemental cobre uma maior quantidade de H mínimo, pois controlar um elemento é mais complicado que o Chakra normal de um Jutsu mais simples. 

Entretanto, alguns Jutsus são complicados de controlar mesmo não possuindo formas “densas”, sendo este caso bastante visível nos Genjutsus. Uma ilusão não possui forma física! Para estes casos, você deve raciocinar que o Jutsu pode não possuir forma, mas precisa ser bem manipulado para afetar com perfeição o sistema circulatório de Chakra da vítima. Quanto mais complexo for o Jutsu, mas difícil será manipulá-lo da maneira correta para torná-lo efetivo numa vítima. 
Entendido os preceitos acima, podemos associar mais facilmente valores de custo mínimo em H para os Jutsus. Rank-E= 1; D=1; C=2; B=3; A=4; S=5

TODOS os Jutsus médicos são excessivamente complexos de se aprender e controlar. Além de possuírem uma forma complexa, estes Jutsus afetam muito profundamente as suas vítimas, o que eleva o requisito em H drasticamente. Perceba na lista apropriada que nenhum destes Jutsus tem um valor de H menor que 4!

DURAÇÃO

Instantâneos: como o nome diz, estes jutsus duram apenas um instante— como uma Explosão, que explode, causa dano e então desaparece (a explosão desaparece; o dano fica!). Os Pontos de Chakra gastos podem ser recuperados na primeira opor tunidade.

Sustentáveis: jutsus sustentáveis permanecem ativos pelo tempo que o ninja quiser manter seus Pontos de Chakra nele. Uma vez lançado, o ninja tem liberdade para lançar outros jutsus, mesmo enquanto um ou mais jutsus sustentáveis já estão ativos — o único limite é o consumo de PCs.

Alguns jutsus, são sustentáveis apenas durante certo limite de tempo. Depois desse tempo, o ninja deve gastar mais PCs se quiser manter o jutsu ativo. Quando um ninja fica com 0 PVs, quaisquer jutsu sustentáveis que ele esteja mantendo são imediatamente cancelados.

Permanentes: Jutsus permanentes realizam seu efeito quando são lançados, mas o efeito se conserva ativo. Como nos Jutsus instantâneos, os Pontos de Chakra gastos podem ser recuperados na primeira opor tunidade. Alguns jutsus dizem “permanente até cancelado”; isso quer dizer que o jutsu vai durar até ser interrompido de alguma forma.

Nenhum Jutsu tem efeitos cumulativos consigo mesmo. Uma vítima que esteja sob efeito de um jutsu sustentável ou permanente fica temporariamente imune àquele mesmo jutsu — mesmo que seja realizado por outro ninja. 

E O ALCANCE?

Até agora já foi possível entender bem sobre as Exigências e Custos, além de suas variantes. Não há no que se complicar com relação a Duração: ou o Jutsu é instantâneo, ou permanente ou sustentado. Então, a última coisa que falta determinar é o alcance dos Jutsus! E como o fazemos? É só seguir a regra básica apresentada a seguir. Entretanto, alguns Jutsu (como os Taijutsus) não passam de técnicas de combate. Nestes casos, aqui entra um novo conceito de alcance: o corpo a corpo. Para que você não pense que é algo complicado, saiba logo que é o mesmo que se precisar acertar um ataque físico a curta distância. Não há dificuldade nisso, há?

Segue uma pequena tabela de alcance:

Pessoal: Esses jutsus só podem afetar o próprio shinobi, nunca outras pessoas —sejam aliados ou inimigos.
Toque: Alguns jutsus exigem que o ninja toque a criatura ou objeto a ser afetado. Para tocar um alvo contra a vontade, o ninja deve fazer um ataque baseado em Força. Este tipo de“ataque” não causa dano, mas se vencer a Força de Defesa da vítima ela será atingida pelo jutsu. Contra este ataque, a Armadura da vítima não entra em sua Força de Defesa.
Curto: O Jutsu atinge qualquer ponto que o ninja possa ver a até 10m.
Longo: como o alcance curto, mas até 50m.
Visão: O jutsu alcança até onde o ninja pode ver, seja com seus próprios olhos ou através sentidos especiais ou outro.

VALORES ESTÁTICOS

Muita coisa já foi dita até agora, mas o essencial de todo poder ainda não foi dito: e os seus bônus estáticos? Como eu posso calcular os seus benefícios em FA e FD? 

Em geral os Jutsus são arremessados de alguma forma nos alvos, sendo bem óbvio que nestes casos se utilizará o PdF do personagem. Em outras situações o personagem faz um Jutsu que se equivale a um ataque corpo a corpo comum, o que vai requerer o uso da F. Entretanto, existem Jutsus que afetam áreas, não necessariamente sendo arremessados. Para estes casos onde não há um fator de arremesso, entretanto usa-se o PdF também!

Ver perfil do usuário http://narutorpgnarrativo.forum-livre.com

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum